Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Gonçalo Ribeiro Telles

por Causa Real, em 25.05.20

RIBEIRO-TELLES.jpg

 

Faz hoje 98 anos. Nascido em 25 de Maio de 1922, quase há um século atrás, é de Gonçalo Ribeiro Telles de que falo nestas brevíssimas linhas, que não têm mais do que o objectivo, advirto, de recordar quem, com quase 100 anos de idade, é mais jovem que muitos jovens depois de si nascidos. Há três anos, num belo texto publicado sobre aquele que, para muitos, é apenas o “Gonçalo”, Vasco Rosa intitulava as linhas com que descreveu Gonçalo Ribeiro Telles, de “visionário utópico”. Ribeiro Telles foi-o na realidade. Eu vejo-o mais como Eduardo Lourenço o designou: um jardineiro de Deus.

Opositor, quer ao anterior Regime quer aos desmandos do actual, mestre de várias gerações de arquitectos paisagistas e grande referência dos monárquicos portugueses desde 1974, Gonçalo Pereira Ribeiro Telles celebra, neste 25 de Maio, 98 anos do seu nascimento. A ele muito devemos. Individual e colectivamente. Ao que fez, ao que alertou mas, também, ao legado imaterial que deixou. Devemos-lhe os jardins e as hortas urbanas, a RAN, a REN e a protecção legal dos parques naturais. Devemos-lhe, também, e muito, a firme e nem sempre compreendida denúncia do excesso de betão, da celulose incontrolada e dos erros energéticos. Devemos-lhe, ainda, a energia com que enfrentou múltiplos combates e a persistência com que sempre sonhou. Gonçalo Ribeiro Telles está entre os poucos que soube criar mas soube, também, fazer, que conseguiu influenciar de forma discreta, que preferiu sempre a defesa das ideias e dos projectos ao apelo dos cifrões e de um poder etéreo. Que pôs sempre e em primeiro lugar a defesa da Pátria lusitana e da sua população como razão de ser da sua luta.

Obrigado e parabéns Gonçalo. Os vindouros saberão continuar a cuidar do jardim.

 

Pedro Quartin Graça

Presidente da Mesa do Congresso da Causa Real

Autoria e outros dados (tags, etc)



Quem somos?

Bem vindo ao Blog daCausa Real, um contributo para discussão de um Portugal com futuro. A Causa Reall coordena, a nível nacional, o movimento monárquico, tendo como objectivo principal a promoção de uma alternativa política para Portugal.


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D